Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true

Semada Penedo informa alterações relacionadas ao comércio de carnes e feiras livres
Mercados da carne, feira e banca do peixe funcionam

As restrições ao comércio, decorrentes da pandemia do coronavírus (Covid-19), não afetam o funcionamento dos mercados das carnes e nem da feira e da banca do peixe em Penedo, locais abertos ao público com adaptações.

De acordo com o Secretário Municipal de Abastecimento e Desenvolvimento Agrícola, Manoel Messias Lima (Messias da Filó), as modificações são necessárias para viabilizar o trabalho dos comerciantes e manter a população penedense abastecida, obedecendo ao rigor das normas atuais de controle sanitário.

Assim, a venda de carne nos mercados situados no Centro Histórico e no bairro Santa Luzia (Barro Duro) permanece autorizada, mas apenas para comerciantes residentes no município de Penedo, estratégia que prioriza a geração de recursos na economia local.

“Os mercados de carne ficam abertos porque é possível controlar o fluxo de pessoas nesses locais, contando também com a colaboração dos marchantes para que atendam um cliente de cada vez, evitando a aglomeração, e preservando pelo menos um metro de distância entre as pessoas”, explica Manoel Messias.

O gestor da Semada Penedo informa ainda que o espaçamento entre os pontos de venda dos mercados da carne, da feira e da banca do peixe foi ampliado para 2 metros. O Pavilhão da Farinha também estará aberto, mas apenas para a venda de alimentos, com bares e lanchonetes fechados.

Feira Livre

Em relação às feiras livres, o funcionamento tradicional está suspendo. Não haverá bancas distribuídas ao longo das ruas e nem a presença de feirantes de outros municípios, ficando o comércio de hortaliças, verduras e frutas autorizado nas bancas que funcionam de forma fixa, durante toda a semana, nas imediações do Pavilhão da Farinha e da feirinha do Barro Duro (Santa Luzia).

A Semada Penedo informa ainda que, seguindo orientação do Prefeito Március Beltrão, abriu cadastro para quem quiser comercializar alimentos (frutas, verduras e hortaliças) nos bairros da cidade.

Até o final da manhã de hoje (sexta-feira, 27), estão autorizadas a instalação de bancas nas praças de Santa Luzia e da Cohab, locais de realização da Feira da Agricultura Familiar, atividade itinerante que terá continuidade porque o comércio dos produtos agroecológicos já foi adequado às normas relacionadas ao combate do coronavírus e os alimentos são produzidos em Penedo, o que facilita o controle sanitário.

Por Fernando Vinícius – jornalista Decom PMP