Ascom Procon-AL Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true

O Procon Alagoas lavrou autos de infrações contra duas companhias aéreas. Conforme divulgado pela assessoria de Comunicação do órgão, as empresas não estavam oferecendo aos consumidores cujos voos foram cancelados, nenhuma assistência material, como alimentação, hospedagens e traslados, cujos voos foram cancelados.

Os autos lavrados ontem (25), solicitando as devidas providências com urgência, foram encaminhados ao Ministério Público de Alagoas (Coordenadoria das Promotorias de Justiça de Defesa do Consumidor), pelo diretor-presidente do Procon/AL, Daniel Sampaio.

Ainda segundo a assessoria de Comunicação do Procon, devido as muitas reclamações dos consumidores, a equipe de fiscalização do Instituto foi averiguar a veracidade das denúncias.

"Nesse momento de crise os consumidores ficam em situação de vulnerabilidade ainda maior. Não podemos permitir o descumprimento da legislação, que é clara e expressa no sentido de se garantir a assistência material para essas pessoas", explicou Daniel Sampaio.

Segundo Daniel, o Instituto vem tomando todas as medidas cabíveis sobre reclamações dos consumidores feitas às empresas de aviação civil. Como também seguindo o que determina a lei.

Os agentes prosseguem as atividades rotineiras em defesa dos consumidores, cientes dessa situação, as fiscalizações vão dar continuidade no intuito de coibir os abusos.

*Com Ascom Procon-AL