Foto: STF Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true Rosa Weber

Um ofício do senador Major Olímpio, líder do PSL no Senado Federal, enviado para a presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministra Rosa Weber, sugere que as eleições de 2020 sejam adiadas para o ano de 2022.

De acordo com o pedido, a proposta tem como objetivo evitar que durante o período de campanha, o Covid-19 se propague ainda mais e contagie um número ainda maior de pessoas. Ele argumentou ainda que o adiamento das eleições municipais, nesse momento, pode ser benéfico para a economia do país.

“A crise provocada pelo coronavírus, com a consequente incerteza não somente sobre a extensão, mas também sobre a duração desta pandemia que tem vitimado milhares de pessoas em todo o mundo, tem gerado a paralisação de diversas atividades”, diz o documento encaminhado ao TSE.

Para o senador, a campanha eleitoral que terá início em agosto, irá gerar uma intensa “movimentação e aglomeração de pessoas, não somente durante todo o período da campanha política, mas também no dia da população ir as urnas, momento que pode gerar uma grande multiplicação do contágio desta doença”.

*com informações BR104 Notícias