Foto: Cortesia ao Blog
Thales e Keel estão juntos há 1 ano e três meses

A história do casal Keel Pinheiro, 29 e Thales Albuquerque, 30, poderia ser tema de um livro ou virar filme. Os dois se conheceram através de uma rede social quando enfrentavam um problema de saúde: o câncer. No momento em que se conheceram, ambos estavam fazendo quimioterapia. O que eles não imaginavam é que os dois seriam - mais tarde - um a força do outro dentro de uma relação.

“Na época nós dois éramos comprometidos, mas respeitavámos bastante os nossos parceiros e não havia interesse da nossa parte. Éramos apenas amigos que trocavam mensagens pela rede social”, disse Keel. Segundo ela, os dois estavam com câncer. 

Aos 27 anos, Keel descobriu que estava com um tumor no mediastino (região torácica dividida em duas partes, limitada lateralmente pelos pulmões, à frente pelo esterno, embaixo pelo diafragma e atrás pela coluna vertebral). Já Thales estava com câncer nos testículos com metástase para o abdômen.

Como os dois vivenciavam quase a mesma situação, o apoio veio na dor e a amizade cresceu. “A gente torcia um pelo outro e se visitava na quimioterapia”, contou Keel ao blog.

Primeira visita na quimioterapia

Na metade do tratamento, o relacionamento de Pinheiro acabou, assim como o de Thales. “O Thales continuava sendo meu amigo e nós fomos para um show juntos e foi lá que tudo começou. A gente ficou basicamente solteiro na mesma época”.

Além de se ajudarem durante a quimioterapia, os dois receberam praticamente juntos o resultado de remissão [termo utilizado em Medicina para designar a fase da doença em que não há sinais de atividade dela]. “Eu terminei primeiro do que ele o tratamento, e ele terminou tempo depois. Só depois disso que começamos a nos envolver”.

A relação dos dois - como qualquer uma - teve altos e baixos. Com a saúde mais fragilizada, Keel já passou por alguns sustos. Thales também. “A gente pensou até que o câncer dele tinha voltado. Foi um momento bem delicado”.

Apesar da dor e dos inúmeros momentos difíceis que ambos enfrentaram, a história que começou em uma amizade se tornou uma linda história de amor e parceria. “Assim como toda relação, a nossa também precisa melhorar em alguns pontos. Mas devido a nossa vivência e tudo que passamos, nós dois conseguimos nos entender bem melhor. Ele sabe quando estou preocupada com algo, eu posso mandar fotos dos meus exames para ele porque a gente tem essa troca de sempre um acompanhar o outro”.

Keel contou que várias pessoas a deixaram durante o processo. Foram amigos que se afastaram, pessoas que relembravam que a alagoana estava com câncer o tempo todo. “Tinha gente mais preocupada com a queda do meu cabelo do que comigo”. Muitos passaram, mas Thales ficou.

De acordo com a estudante de educação física, a relação dos dois não é perfeita, mas ambos tentam seguir sempre pelo melhor caminho. 

Os dois estão juntos há 1 ano e três meses, mas Keel lembra como se fosse hoje quando Thales apareceu. “Apareceu esse moço bonito com a cabeça e a sobrancelha sem um fio sequer, trocando figurinhas, sorrisos e a melhor notícia: estamos curados!”.

Keel disse que a foto define como eles são

Para os que não acreditam no amor, a jovem cita uma frase do filme ‘A culpa é das estrelas’: “A vida não precisa ser perfeita para ter um amor extraordinário”.

-

Estou no Instagram: @raissa.franca