Ascom
JHC propõe segundo acordo em que Braskem contemple todas as áreas afetadas

Inúmeros moradores das áreas afetadas dos bairros Mutange, Bebedouro, Bom Parto e Pinheiro, em Maceió, têm procurado o deputado federal JHC, que é o presidente da Comissão Externa do Afundamento de Solo, com dúvidas, questionamos e insatisfação com relação ao termo de acordo firmado entre a Braskem e órgãos da justiça, que não contempla todos os moradores de regiões afetadas.

Sobre o assunto, JHC afirmou que o acordo firmado pela Braskem foi válido, mas ainda insuficiente. " Vamos exigir um segundo termo de acordo. Vou levar a Braskem à Comissão na Câmara Federal, para que apresente argumentos técnicos do porquê não abranger 100% das áreas afetadas pelo afundamento do solo", afirmou o deputado.

JHC disse ainda que, diante das inúmeras dúvidas dos moradores do Pinheiro, Mutange, Bom Parto e Bebedouro, estará submetendo o documento do acordo celebrado pela Braskem para análise e parecer da consultoria jurídica.

" O acordo da Braskem com os atingidos é um passo importante. Mas, muitos têm nos procurado com dúvidas e insatisfações. Iremos encaminhar o acordo para parecer da Consultoria Jurídica da Câmara e para a consultoria técnica da Comissão Externa, especialista no assunto, no sentido de sanar dúvidas e propor melhorias no acordo", concluiu JHC.