Feminicídio: idoso suspeito de matar esposa alegou que era humilhado e traído, diz delegado

  • Redação
  • 10/12/2019 11:32
  • Notícias
Foto: ASCOM/PC
Delegado Eduardo Mero, coordenador da Delegacia de Homicídios e Proteção a Pessoas

O idoso de 78 anos, suspeito de assassinar a esposa a facadas no último dia 5, foi preso nessa terça-feira (10), na sede da Delegacia de Homicídios da Capital (DHC), em Maceió. Sobre a motivação do crime, o delegado Eduardo Mero disse que o idoso alegou que era “humilhado e que tinha sido traído pela esposa”.

Ainda segundo o delegado, José Eduardo dos Santos, disse que perdeu a cabeça e por isso desferiu golpes de facas contra a esposa identificada como Vera Lúcia Mariano, de 43 anos.

“Ele se apresentou na delegacia para ser ouvido e acreditava que, por ter expirado o prazo considerado flagrante, não seria preso. No entanto a delegada Simone Marques já tinha pedido a prisão temporária dele”, disse Mero.

Por fim, Eduardo ressaltou que o suspeito será autuado pelo crime de feminicídio e pode responder de 12 a 30 anos.