Foto: Divulgação PC/AL
Felipe Soares, conhecido como "Bombado", foi preso em Contagem, no interior mineiro.

Um foragido da Justiça alagoana foi preso na tarde desta quinta-feira (5), na cidade de Contagem, no estado de Minas Gerais. Felipe da Silva Soares, 26 anos, conhecido como “Bombado”, é suspeito de integrar um grupo de extermínio e responde por 12 homicídios em municípios da Região Metropolitana de Maceió.

A prisão aconteceu após agentes da 17ª Delegacia de Polícia (17ª DP), em Alagoas, comandados pelo delegado Leonam Pinheiro, investigaram informações sobre a localização de “Bombado” e encontraram pistas de que ele estava vivendo em Minas Gerais.

O acusado foi localizado em Contagem, no interior mineiro. Ele tinha um mandado de prisão aberto, em seu desfavor, expedido pela 1ª Vara de Marechal Deodoro, no Sul alagoano. O processo contra Felipe Soares estava paralisado desde 2013, segundo a polícia de Alagoas.

De acordo com informações policiais, Felipe foi alvo da operação Tombstone, da Polícia Federal (PF), que ocorreu em quatro estados do Brasil e que tinha como objetivo prender integrantes de grupos de extermínio, atuantes na prática de roubo, tráfico de drogas e comercio ilegal de armas de fogo e munições.

Ainda segundo a polícia, Felipe integrava um grupo suspeito da autoria de 287 assassinatos.

Após a prisão na cidade mineira, Bombado deve ser encaminhado para o sistema prisional de Alagoas, onde ficará detido aguardando decisões da Justiça.