Ascom Sesau/Arquivo
Hospital Geral do Estado (HGE)

O bebê de 1 anos e um mês que foi agredido pelo pai na cidade de Arapiraca, foi transferido do Hospital de Emergência Daniel Houly, na noite desta quarta-feira (04), para o Hospital Geral do Estado (HGE), localizado no bairro do Trapiche da Barra, em Maceió.

De acordo com a assessoria de comunicação do HGE, apesar de ter sido transferido, o estado de saúde da criança, ainda é considerado gravíssimo.

O hospital informou ainda que o bebê ficará internado e estabilizado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI), onde irá respirar com a ajuda de aparelhos.

O caso

O bebê ficou gravemente ferido após ser espancado, na cidade de Arapiraca, Agreste de Alagoas. O principal suspeito é o pai da criança que foi preso em flagrante.

Segundo informações passadas pela polícia, José Fábio de Lima, 25 anos, confessou o crime e afirmou que apertou o pescoço do bebê, além de ter esmurrado a barriga e chutado a criança.

Leia Mais: Pai confessa ter espancado bebê e diz que está passando por problemas pessoais

Ainda de acordo com os policiais, José disse que o filho estava dentro do carrinho e começou a chorar, quando disse que perdeu o controle e agrediu o bebê.

*Estagiário sob a supervisão da editoria