Foto: Agência Arca Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true Meline Lopes e Laís Casado

É comemorado nesta terça-feira (19), o dia do Empreendedorismo Feminino que ganha cada vez mais espaço no mercado de trabalho. Engana-se quem acha que empreendedorismo feminino é apenas aquele que está ligado às grandes empresas ou projetos.

A mulher que vende salgado dentro de casa e é conhecida pela população também é uma empreendedora. Além disso, o empreendedorismo feminino vai além de abrir um negócio: ele empodera, dá mais espaço e incentiva quem deseja empreendeder.

As mulheres estão empreendendo mais. Dados da pesquisa da Global Entrepreneurship Monitor, conduzida pelo Sebrae, mostram que o país tem aproximadamente 24 milhões de mulheres empreendedoras. Entretanto, a múltipla jornada feminina é um dos grandes desafios para mulheres empreendedoras que precisam cuidar da casa, dos filhos, administrar um negócio, estar com o marido e ainda cuidar dela. Apesar disso tudo, o empreendedorismo feminino possui suas inúmeras vantagens e que com planejamento correto, o seu lugar no mercado de trabalho será consolidado e respeitado.

Para ajudar as mulheres a empreenderem e se consolidarem no mercado, a Agência Arca [referência em marketing digital exclusiva para mulheres profissionais liberais do Nordeste] vai realizar um evento “secreto” de empreendedorismo feminino no dia 23 deste mês, das 9h00 às 13h.

Para a especialista em marketing Meline Lopes, o evento será uma oportunidade de ajudar as mulheres que pensam em empreender, mas que por motivos diversos, não tiraram ainda a ideia do papel ou para aquelas que já possuem um negócio. “Vai ser um encontro para estimular a criatividade, o espírito empreendededor, o networking e um momento de lazer também”, explicou.

Segundo Meline, a jornada feminina é um dos grandes desafios para as mulheres empreendedoras já que elas precisam conciliar o trabalho, com a maternidade, o casamento, entre outros. “Sabemos o quanto isso é pesado e trava a criatividade da mulher. Por este motivo, criamos esse evento. Queremos despertar o lado criativo dessas mulheres e empoderá-las para que elas consigam ganhar destaque no mercado”, falou.

Laís Casado, especialista de marketing digital da Arca, disse que a Agência surgiu após ela e Meline saírem da zona de conforto de um emprego privado para empreender.

“Não foi fácil, mas sempre que contamos nossa trajetória para as mulheres, eles se sentem mais fortalecidas a darem o primeiro passo. E nós sabemos que muitas alagoanas têm esse potencial de abrirem o seu próprio negócio e de serem referência no empreendedorismo feminino. Queremos impulsionar cada vez mais as mulheres”, finalizou Casado.

Para se inscrever no evento basta clicar aqui

Mais informações no Instagram: @vocearca