Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true

Com a finalidade de orientar o consumidor durantes às compras do período natalino, o Procon Maceió realizou –  durante as primeiras semanas de novembro-, uma pesquisa de preços dos produtos da cesta e decorações natalinas. Ao todo, foram pesquisados 44 produtos, em nove estabelecimentos da capital.

Produtos característicos como o panetone e chocotone estão custando entre R$12,65 e R$16,04, respectivamente. O kg do peru custa, em média, R$39,90. Já o quilo do queijo do Reino pode ser adquirido por R$76,45, e as frutas secas R$15,19 o kg, em média.  A cesta natalina completa custa entre R$33,00 e R$108,00.

Em relação às decorações, as árvores de natal de 1.50 m estão custando entre R$109,00 e R$963,90. As de 1.80 m têm o valor entre R$449,90 e R$857,90, e as de 2.10 m entre R$139,90 e R$1.800,00. Por outro lado, as árvores de natal já com a decoração inclusa custam de R$200 até R$7.715,00, quando comparadas por tamanho e marca.

O pisca piscas de 100 lâmpadas LED pode ser encontrado por R$ 7,89 (menor preço) a R$ 46,50 (maior preço), as cascatas iluminadas por R$77,40 (preço médio), os presépios de R$24,90 a R$990.00, e os bonecos de Papai Noel entre R$27,90 a R$799,00. Por fim, os pacotes com seis bolas tamanho P custam de R$ 9,99 a R$26,90.

“Para obter mais economia e evitar gastos excessivos, é sempre importante ressaltar que o consumidor deve realizar pesquisas de preços antes de realizar a compra. Essa recomendação aumenta ainda mais com a proximidade da Black Friday”, orienta o direto-executivo do Procon Maceió, Leandro Almeida.

Denúncias e reclamações

Os consumidores podem ajudar nas fiscalizações do Procon Maceió. As denúncias podem ser realizadas com o envio de fotos e vídeos pelo WhatsApp (82) 98882-8326 ou e-mail atendimentoproconmaceio@gmail.com. Os maceioenses podem também entrar em contato por meio do telefone (82) 3315-3702 ou ser atendidos presencialmente na Rua Pedro Monteiro, nº 47, no Centro, ou nos núcleos do Centro Universitário Cesmac, na Rua Iris Alagoense, 458, no Farol, e na Faculdade Uninassau, na Rua Professor Sandoval Arroxelas, na Ponta Verde.