Cortesia ao CM Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true Sistema Prisional do Agreste

As unidades prisionais situadas no complexo penitenciário de Maceió estão sem cobertura do bloqueio de sinal de aparelhos celulares desde a semana passada, quando o convênio chegou ao fim.

A medida é uma maneira de evitar a comunicação dos presos dentro das unidades. De acordo com a Secretaria da Ressocialização e Inclusão Social (Seris) o contrato vinha sendo quitado com recursos federais, sendo estes findados em 2019. 

No Presídio o Agreste, no município de Girau do Ponciano, o bloqueio continua funcionando normalmente o sistema tem funcionado a contento, em razão do aporte de recursos estaduais.

“Um novo processo está em andamento para a contratação e renovação do serviço nos presídios da capital. Outrossim, a Seris reforça seu compromisso com a segurança do sistema prisional alagoano, um dos mais controlados do país, investindo permanentemente na valorização do servidor penitenciário e na aquisição de equipamentos que auxiliam na identificação e apreensão de materiais ilícitos quando do procedimento de revista”, informou a Secretaria.