Ascom Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true O líder do PSDB na Câmara, deputado federal Carlão, visitou hoje Tereza Nelma

Neste final de semana, após deixar a UTI, a deputada federal Tereza Nelma teve uma nova fístula detectada no intestino. A equipe médica descartou uma nova cirurgia (já fez duas), porém, decidiram por mantê-la na Unidade semi-intensiva. A fístula terá tratamento clínico até seu fechamento, o que deve durar pelo menos seis semanas.

“Isso vai retardar meu retorno as atividades. Mas vou vencer mais essa batalha”, afirma Tereza Nelma.

INTERNAÇÃO

A deputada federal Tereza Nelma foi internada no Hospital Sírio Libanês, em São Paulo, no dia 23 de outubro, para se submeter a uma histerectomia curativa para extirpar um câncer no útero. Um dia após deixar a UTI, ela teve que retornar, após realizar uma segunda cirurgia, para corrigir uma perfuração no intestino. Agora, novamente, os médicos foram surpreendidos por nova fístula.

Este é o quinto câncer enfrentado pela deputada federal Tereza Nelma. Seu caso é raro, porque são tipos diferentes de câncer. Tereza não tem nenhuma metástase. Ela está sendo atendida por cinco equipes de especialistas, que são unânimes em dizer que Tereza vai se recuperar.