Arquivo Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true

Durante a última sessão ordinária da Câmara Municipal de Piaçabuçu, o vereador Tiago Carnaúba (PSDB), fez uso da tribuna e na oportunidade criticou a atual gestão por falta de prestação de contas junto ao Governo Federal, um dos motivos que levou o município ao CAUC – Sistema Auxiliar de Informação para Transferências Voluntárias.

O parlamentar lembrou que em sessões passadas foi falado que infelizmente o município não receberia recursos por conta de pendências no CAUC, se surpreendendo após consulta no Portal da Transparência, que mostrou Piaçabuçu pendente na espécie de SPC e Serasa dos municípios, por não atender a 16 itens, sendo alguns deles pela não prestação de contas da atual gestão junto ao Governo Federal.

Tiago Carnaúba informou durante o discurso que em 2016 o ex-prefeito Dalmo Jr, deixou o governo após o processo de transição com débitos relacionados ao FGTS, no entanto, também deixou um empenho para pagamento do débito e recurso em caixa para tal quitação.

O vereador destacou ainda que desconhece o motivo do prefeito Djalma Beltrão não ter concluído as obras de uma creche, uma vez que o município dispõe de R$ 134.933,61 em caixa para a conclusão da obra. “Um dos itens relacionados a ida do município ao CAUC foi a não prestação de contas dos recursos recebidos do Fundo Nacional de Saúde – FNS, que impossibilita totalmente o repasse de recursos necessários para o bom funcionamento da saúde pública. Infelizmente se as coisas não estão ruins na saúde de Piaçabuçu, podem ficar ainda piores”, concluiu Tiago.