Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true

 

A trajetória política de Galba Novaes de Castro Júnior iniciou-se nas eleições de 1996, quando foi eleito pelo PSD a Vereador por Maceió com 2.507 votos, ficando em 16° lugar das vinte e uma vagas em disputa. Galba é filho do saudoso Galba Novaes de Castro e o bairro do Tabuleiro é sua base eleitoral.

Galba Novaes ainda foi eleito por mais três vezes vereador de Maceió. Na eleição de 2000 foi eleito no PSD com 5.715 votos, ficando em 7° lugar; na eleição de 2004, Galba (PSD) foi o mais votado com 11.375 votos. O fator determinante para a expressiva votação naquele pleito foi a larga folha de serviços prestados à comunidade do grande Tabuleiro e adjacências. Na eleição de 2008 foi eleito pelo PRB com 15.241 votos, ficando em 2° lugar. Foi eleito presidente da Câmara dos Vereadores para o biênio 2011/2012.

Depois de eleições sucessivas, eleito vereador de Maceió, crescia a olhos vistos a sua votação em cada eleição, tornando-se uma nova liderança política na capital. Seu crescimento político em Maceió o fez ser ousado e se candidatar a senador nas eleições de 2006. Na única vaga em disputa para o Senado, Galba (PL) ficou em 4° lugar com 66.895 votos (5,35%).

Galba Novaes (PRB), diante da sua força política em Maceió, foi convidado por Fernando Collor (PTB) a ser seu companheiro de chapa para o governo do Estado nas eleições de 2010, porém a chapa Collor/Galba não logrou êxito, ficando em 3° lugar no primeiro turno naquele pleito.

Nas eleições de 2012, Galba Novaes (PRB) foi candidato a prefeito de Maceió. Sem conseguir ampliar sua base eleitoral, limitada no Tabuleiro do Martins, não teve uma boa performance no pleito. Galba foi o terceiro colocado com uma votação de 41.615 votos (10,4%). Mesmo não logrando êxito naquele pleito, Galba emplacou seu filho Galba Novaes Neto (PMDB) como  vereador por Maceió, com uma votação de 8.939 votos, ficando em 4° lugar das vinte e uma vagas em disputa.

Galba Novaes continuou alçando voos mais altos. Foi eleito duas vezes consecutivas deputado estadual. Nas eleições de 2014 foi eleito pelo PRB com 26.832 votos, ficando em 19° das vinte e sete vagas em disputa; nas eleições de 2018 foi eleito pelo MDB com 30.481 votos ficando em 14° lugar. Galba foi eleito vice-presidente da Assembleia Legislativa para o biênio 2019/2020.

A trajetória política de Galba nasceu no Tabuleiro, porém ao longo dos anos seu raio de influência cresceu.