Assessoria Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true Deputado Marx Beltrão

Em audiência publicada realizada na Câmara de Vereadores de Maceió, o deputado federal Marx Beltrão (PSD) reiterou seu apoio ao município de Maceió na causa da construção de um novo e moderno mercado público na capital alagoana. “Eu e o deputado JHC já garantimos, juntos, R$ 20 milhões para a um novo mercado em Maceió em emendas impositivas já para 2020. Mas se o projeto custar mais do que isso, eu e JHC já nos combinamos e vamos garantir mais emendas para 2021, sejam mais R$ 5 milhões, mais R$ 10 milhões, mais R$ 20 milhões ou quanto for necessário para que Maceió tenha um novo mercado”, disse Marx Beltrão.

Há duas semanas, os deputados federais Marx Beltrão (PSD) e JHC (PSB) anunciaram, juntos, a destinação de R$ 40 milhões em emendas impositivas de bancada para assegurar a realização de obras e ações estruturantes a serem executadas em 2020 na capital alagoana. Por serem impositivas, as emendas garantem que o governo federal destine os valores para Maceió. Destes R$ 40 milhões, R$ 20 milhões destinados poderão ser usados para a construção de um novo Mercado da Produção, reforma do atual ou das demais unidades desta espécie existentes na cidade. Para tanto, caberá à Prefeitura de Maceió realizar os projetos. Os outros R$ 20 milhões deverão ser investidos na área da saúde.

“Trata-se de um compromisso que selamos, juntos, para a melhoria da qualidade de vida dos maceioenses, tão carentes de dias melhores”, justificou na data do anúncio Marx Beltrão, coordenador da bancada federal alagoana no Congresso Nacional. “O destino destes recursos, com certeza, será implementar iniciativas em prol da população de nossa capital, que necessita de mais investimentos e que com estas emendas tem a oportunidade de ver garantida a alocação destes valores”, afirmou no mesmo dia o deputado JHC. 

Audiência na Câmara

A Câmara Municipal de Maceió realizou nesta sexta-feira (1) audiência pública com o tema "Novo modelo administrativo de gestão dos mercados públicos e feiras livres" de Maceió, que aconteceu no Plenário Vereador Silvânio Barbosa. Proposta pelo vereador Francisco Sales (PPL), a audiência foi bastante concorrida e contou com a presença do deputado federal Marx Beltrão (PSD); vereadores Lobão (PR) e Chico Filho (Progressistas); além do superintendente do Mercado Central de Belo Horizonte, Luiz Carlos Braga; da analista técnica do Sebrae, Pauline Reis; e Wanessa Oliveira, representando o senador Rodrigo Cunha (PSDB). O mercado de BH é o primeiro no Brasil e terceiro em modelo reconhecido de gestão.

Privatização e gestão compartilhadas foram discutidos na audiência. Feirantes como Edinho Macedo, do Mercado da Produção, são contra a privatização. "Estamos todos engajados para melhorar a nossa situação como feirantes de Maceió. Mas, entendo que privatizar vai encarecer nossas contas, influenciando o preço final do produto que vendemos para a população", disse. O vereador Lobão lembrou que sua luta por melhorias no setor vem desde que ele mesmo atuou como feirantes. "Iniciei minha carreira política na feira da Praça Guedes de Miranda. Lá, não havia tendas e a chuva molhava a todos. Depois de muita luta, conseguimos autorização para colocá-las e proteger os trabalhadores. Portanto, o sonho por melhoria não é de hoje, é bastante antigo”, disse Lobão.

Veja vídeo: