Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true

A ativista Maria Catarina, lá de Minas Gerais nos manda a notícia. 
"Após muita polêmica e inúmeras denúncias de irregularidades, a Prefeitura de Contagem cedeu e decidiu cancelar as eleições para Conselheiros Tutelares realizadas no último domingo (6).
As denúncias, a maior parte vinda dos próprios candidatos, apontam para suspeitas de compra de votos e divergências nos resultados de apuração das urnas. Eleitores também se queixaram da desorganização e da existência de longas filas nos locais de votação.
Em entrevista na tarde de hoje, o presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA) comunicou a decisão.
Uma nova eleição será marcada, pois de acordo com a Lei 12.696/12, os novos conselheiros devem tomar posse em 10 de janeiro do próximo ano para uma gestão de quatro anos. Eles serão responsáveis pela fiscalização do cumprimento da legislação relacionada aos direitos das crianças e dos adolescentes e à fiscalização das políticas públicas promovidas pela prefeitura.
Seguiremos atentos!"