Foto: Cortesia Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true Vítima guiava uma motocicleta no bairro de Cruz das Almas quando foi atingida por disparo e morreu no local.

O comando da Polícia Militar de Alagoas acatou a decisou judicial e afastou das funções o Policial Militar de Clevison de Almeida Teixeira, que confessou ter atirado no padeiro Marcos Firmino dos Santos, 34 anos, em frente à Casa Vieira, no bairro de Cruz das Almas. 

O afastamento foi publicado no Boletim Ostensido da Polícia Militar, nesta quarta-feira (09). Marcos foi morto no início da tarde desse domingo (22), na Avenida Gustavo Paiva. Segundo a polícia, Marcos teria sido apontado como assaltante. 

O pedido de afastamento da Justiça ocorreu uma ação do Ministério Público Estadual (MPE), que além da saída do cargo, suspendeu o porte de arma de fogo, proíbiu de exercer a atividade de segurança privada, determinou o comparecimento mensal em juízo para informar suas atividades, e proíbe o acusado de se ausentar da Comarca de Maceió. 

Clevison de Almeida se apresentou à Polícia Civil dias após o crime, quando a polícia começou a investigar o crime. Ele contou que atirou para tentar evitar um assalto no outro lado da rua, mas infelizmente atingiu o padeiro, que passava pelo local.