Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true

16 de Setembro de 2019. Alagoas faz 202 anos de emancipação política. Os arapiraquenses ainda sem entender, continua a perguntar se o município de Arapiraca faz parte da terra dos marechais.


O povo da terra de Manoel André indignado com a ausência do filho adotivo, o palmeirense Secretário de Educação de Alagoas, e Vice Governador Luciano Barbosa, pergunta o que está fazendo   por Arapiraca.


Passou o primeiro mandato, já está no segundo e Arapiraca ainda não viu os benefícios de ter um filho postiço na governança do estado. A dupla Renan Filho e Luciano Barbosa não demonstrou nenhum interesse pessoal, muito menos institucional para com Arapiraca.


A AL 220 que passa por Arapiraca, foi feita e a rodovia já apresenta buracos, na mesma AL 220 a iluminação só foi colocada quando houve diversos acidentes e com a força do Ministério Público em parceria da Prefeitura de Arapiraca, foi colocado a iluminação.


A Saúde do Estado, segundo a Prefeitura de Arapiraca e os hospitais não recebem os repasses prejudicando os usuários que precisam ser tratados.

A Reforma do prédio do Hemoal de Arapiraca desde o primeiro mandato do Renan Filho e Luciano Barbosa está parado. Matos é o que resta e alojojamento de moradores de ruas foi o que virou. E o Governador Renan Filho e seu Vice Governador, o palmeirense Luciano Barbosa não dar nunhuma satisfação a população de Arapiraca.


O Instituto de Criminalística que está sendo cobrado pela população desde o primeiro mandato do Governador Renan Filho e do Vice Governador, o palmeirense Luciano Barbosa, e até agora nada. 


A UPA em Arapiraca que deveria ajudar a desafogar o HE Agreste nem sinal de conversa e comprome ainda mais a saúde de Arapiraca e região.


O Cisp que de fato melhoraria a própria segurança no município, ajudando a própria Polícia a combater o crime na capital do Agreste e região não passa de  falácia e o povo é que sofre com a insegurança municipal.


Ronda nos bairros, foi matéria de discussão na Câmara de Vereadores de Arapiraca e cobraram ao Secretário de Educação de Alagoas e Vice Governador, o Palmeirense Luciano Barbosa e nada. Nem promessa saiu.


A Casal com o seu desserviço para com Arapiraca, transformando o município num queijo suíço, abrindo  buracos nas ruas e não fechando, causando acidentes e transtornos a população e não fizeram nada.


A Educação do estado que tem como Secretário, o Vice Governador palmeirense Luciano Barbosa,  foi alvo da operação Casmurro da Polícia Federal que desviou 21 milhões do transporte escolar, que deflagrou a parada dos proprietários e motoristas dos 35 ônibus escolar e que teve o apoio dos estudantes arapiraquenses realizando passeata no centro da cidade. A educação não paga o transporte escolar há 4 meses e 20 dias. Prejudicando o calendário escolar e os estudantes.


Os arapiraquenses pergunta o que comemorar, o que o Secretário de Educação e Vice Governador, o palmeirense Luciano Barbosa está fazendo além de prejudicar Arapiraca com a falta de serviços essenciais para a população.


Como Arapiraca pode contar com pessoas que não demonstra nenhuma consideração com as famílias e trabalhadores que tem como legado a força do trabalho.


Arapiraca deve comemorar os 202 anos de emancipação pela luta de um povo bravo e trabalhador.


Parabéns Alagoas!!!