Ilustração Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true

Foi preso na manhã desta segunda-feira (9), em São Bento do Norte, no estado do Rio Grande do Norte, o suspeito de integrar a “Gangue Fardada”, em Alagoas, Sebastião Felizardo dos Santos. Ele foi localizado e detido após uma denúncia anônima feita ao Disque Denúncia do referido estado.

Sebastião Felizardo é irmão do ex-cabo da PM/AL Cícero Felizardo, que foi condenado a 33 anos pelo homicídio do delegado Ricardo Lessa, irmão do ex-governador de Alagoas.

Com dois mandados de prisão em seu desfavor expedido pela Justiça de Pernambuco, ele foi condenado a 11 anos pelo homicídio de Gilmar da Silva Neres, em 1993, no município de Xexéu e, no mesmo anos, também foi apontado como autor da morte do vereador Inácio Loyola, na cidade Catende, no mesmo estado.

Na década de 1990, Sebastião foi um dos investigados pela CPI da Pistolagem, da Assembleia Legislativa de Pernambuco.

A Gangue Fardada foi uma organização criminosa, formada por militares, apontada como responsável por crimes de pistolagem e roubo de carros e cargas, com atuação também em Alagoas na década de 1990.

A prisão de Sebastião Felizardo foi coordenada pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), órgão do Ministério Público do Rio Grande do Norte, com o apoio da Polícia Militar daquele estado.

 

*Com Portal no Ar