Foto: Assessoria Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true Parlamentar defende reforma que reduza impostos e não apenas simplifique sistema tributário.

A deputada estadual Cibele Moura (PSDB) defendeu, nesta quarta-feira (21), na Assembleia Legislativa Estadual (ALE), uma reforma tributária que reduza impostos, e não apenas simplifique o sistema tributário, como as propostas que vêm sendo discutidas na Câmara, Senado e a do governo federal. “Essa reforma tributária não serve ao povo brasileiro. A gente precisa de uma reforma que sirva aos mais pobres, que diminua imposto”, afirmou Cibele.  

Ela lembrou que em 2018 a carga tributária bateu recorde de 35,07% do Produto Interno Bruto (PIB). “É muito alto, é assustador que a gente pague tanto imposto. O governo dá o primeiro passo, diminuindo a máquina estatal, defendendo as privatizações, mas a gente tem que fazer mais”, ela destacou. 

A parlamentar disse ainda que além de diminuir imposto, é preciso “tirar o peso da mão do Estado das costas do contribuinte. Fazer com que o Estado seja mais justo, mais igual e que beneficie as pessoas mais pobres do Brasil”. 

Cibele ressaltou que é necessário também que se faça reforma tributária em Alagoas e reafirmou que as propostas que tramitam nacionalmente não atendem à população.  

“A gente precisa fazer uma reforma não só nacional, mas pensar num imposto estadual. Fico muito feliz quando vejo as discussões políticas a cerca de uma reforma tributária no Congresso Nacional. Existe uma proposta na Câmara, outra no Senado e a que está vindo do governo federal. Todas simplificam nosso sistema tributário. Nenhuma delas, porém, reduz imposto. Nenhuma delas tira do bolso do contribuinte a carga tributária. Nenhuma delas facilita a vida do pagador de imposto", disse.