Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true

     A Família Beltrão é de grande tradição política no interior de Alagoas. A cada eleição ela avança cada vez  mais no seu raio de influência na política alagoana.

     O auge da trajetória dos Beltrões aconteceu na eleição de 2014, quando Marx Beltrão foi eleito deputado federal com uma votação de 123.317 votos, ficando em segundo lugar no pleito. Marx no seu primeiro mandato na Câmara Federal assumiu o Ministério do Turismo no governo Temer.

     Nas eleições de 2016, a família Beltrão consolidou a sua força política no interior de Alagoas. Joaquim Beltrão foi reeleito prefeito de Coruripe com uma votação de 19.710 votos (69,74%); Marcius Beltrão foi reeleito prefeito de Penedo com 12.780 votos (41,78%); Djalma Beltrão foi eleito prefeito de Piaçabuçu com 5.007 votos (49,57%); Jeannyne Beltrão foi eleita prefeita de Jequiá da Praia com 3.429 votos (55,49%)  e Rosiana Beltrão foi eleita prefeita de Feliz Deserto com uma votação de 1.625 (57,50%).

     Nas eleições de 2018, Marx Beltrão ensaiou uma candidatura ao senado, porém desistiu e foi reeleito deputado federal com uma votação de 139.458 votos, ficando em terceiro lugar naquele pleito. Os Beltrões ainda tiveram a façanha de elegerem dois deputados estaduais naquela eleição, Yvan Beltrão, com 34.403 votos e Marcelo Beltrão com 28.434 votos.

     As eleições do próximo ano se aproximam e o projeto dos Beltrões para o pleito municipal de 2020 é manter a hegemonia das cinco cidades que conquistaram em 2016, bem como ampliar cada vez mais as suas bases eleitorais.

     A eleição de 2022 ainda está muito distante; muitos fatos e situações irão acontecer, porém se a Família Beltrão se mantiver coesa e focada nos seus projetos políticos avançarão cada vez mais. O céu para eles é o limite...