Assessoria Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true

 

A capital alagoana terá mais três unidades de saúde funcionando até o mês de outubro. O anúncio foi feito na manhã deste sábado (13) pelo governador Renan Filho e pelo secretário de Estado da Saúde, Alexandre Ayres, durante visita técnica às instalações da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do bairro do Jacintinho, em Maceió.

De acordo com o governador Renan Filho, pelo cronograma de entregas, a UPA do Jacintinho será inaugurada no mês de agosto. A estrutura física da unidade, que fica na avenida Juca Sampaio, no trecho do Ladeirão do Óleo, nas proximidades da AL-101 Norte, está 100% concluída e receberá seus equipamentos nos próximos dias.

“Agora em agosto, nós vamos inaugurar a UPA do Jacintinho. No mês de setembro, vamos inaugurar o Hospital da Mulher, que é um equipamento muito importante para melhorar a assistência à saúde feminina em Alagoas; e, no mês de outubro, vamos inaugurar a UPA do Tabuleiro do Martins. Nesse período, também vamos trabalhar duro pra iniciar a construção da UPA da Chã da Jaqueira”, garantiu o governador.

“A UPA do Jacintinho está 100% concluída. Estamos fazendo a vistoria final para, nos próximos dias, trazer os equipamentos. Uma parte deles já chegou e o restante está a caminho”, disse Renan Filho em transmissão ao vivo pelas redes sociais durante a visita.

O secretário Alexandre Ayres lembrou que a UPA é a primeira no Estado construída com recursos próprios, da ordem de R$ 5 milhões. A unidade, do tipo 3, tem 1.380 metros quadrados de área construída e terá capacidade para mais de 300 atendimentos diários em urgência e emergência, totalizando cerca de 10 mil por mês. “Serão ofertados aqui 15 leitos para a população do Jacintinho e estamos nas últimas tratativas para inaugurar a unidade em agosto, dando um conforto maior para os moradores dessa região”, afirmou Ayres.

O governador Renan Filho Renan Filho explicou ainda como será feita a contratação do pessoal quer vai atuar nas novas unidades. “As UPAs vão funcionar com pessoal contratado por organizações sociais. Para o Hospital da Mulher, nós vamos divulgar nos próximos dias um processo seletivo simplificado para selecionar a primeira equipe que vai trabalhar. Estamos trabalhando para, na inauguração do hospital, lançar o concurso público para a Saúde, que é um compromisso que eu tenho com o cidadão e nós vamos cumprir. Na Saúde, nós vamos contratar os servidores da maneira que a gente possa tornar o serviço mais eficiente”, antecipou.

Segundo o governador, Maceió também deverá receber em breve outro modelo de unidade de saúde voltado para a área da atenção básica, cujo edital foi publicado na edição de sexta-feira (12) do Diário Oficial do Estado. “Vamos ter outra novidade, as clínicas da família, que vão colaborar muito para a ampliação do serviço de atenção básica na capital”, lembrou Renan Filho. As clínicas da família deverão atuar como porta de entrada para casos de baixa complexidade em áreas estratégicas da capital, desafogando o atendimento, mas UPAs e no Hospital Geral do Estado (HGE).

“Hoje, estamos fazendo o maior investimento em Saúde que Alagoas já viu, com cinco hospitais sendo construídos ao mesmo tempo. Esses investimentos vão gerar cerca de 10 mil empregos diretos e indiretos nessa área em Alagoas, o que será uma grande oportunidade para quem está nas universidades, para que está se formando ou está formado e em busca de emprego. Aqui em Alagoas, a gente faz investimentos, paga os salários em dia, abre oportunidade para o cidadão fazer concurso público e segue construindo um Estado melhor pra todo mundo”, concluiu Renan Filho.