Agência Câmara Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true Marx Beltrão

O deputado federal Marx Beltrão (PSD) assumiu como membro titular a Comissão Externa da Câmara dos Deputados que vai analisar o estágio atual das obras inacabadas em todo o Brasil. Nesta sexta-feira (28), o parlamentar afirmou ao Cada Minuto que “os trabalhos desta Comissão são muito importantes porque, infelizmente, há muitos casos de obras inacabadas no país e cada obra não concluída significa desperdício de investimento público e desserviço à sociedade”. 

Em 2018, um estudo da CNI (Confederação Nacional da Indústria) apontou que 2.796 obras estavam paradas no Brasil. Quase a metade (48,7%) se refere à construção de creches, pré-escolas e quadras esportivas nas escolas. Já 18,5% são de obras do setor de infraestrutura. Neste caso, o saneamento básico é o que mais sofre com obras paralisadas: são 447 empreendimentos interrompidos na fase de execução. 

Na sequência, ainda na área de infraestrutura, estão obras de rodovias (30), aeroportos (16), mobilidade (8), portos (6), ferrovias (5) e hidrovias (5). Mais de 30% dos trilhos de trem do país não estão sendo usados.

Em abril deste ano, na Comissão de Educação da Câmara, Marx Beltrão já havia proposto a realização de um raio X de todas as obras inacabadas e paralisadas no campo da educação em todo o país.  "Precisamos saber quantas e quais são as obras de creches, escolas, pré-escolas e quadras-poliesportivas, entre outras, que não foram concluídas. São obras que, a priori, receberam recursos públicos e até hoje não se converteram em benefício para a população. Precisamos cobrar que elas sejam terminadas e entregues à sociedade", afirmou o deputado na ocasião.