Divulgação Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true Artistas alagoanos realizam ato cultural na porta de empresas

Os cantores Wado, Júlio Uçá e Natalinha se uniram aos jornalistas alagoanos que estão em greve contra a redução de 40% do piso salarial proposto pelas três maiores empresas de comunicação e realizam shows na porta das emissoras no final da manhã desta quarta-feira (26).

Em entrevista ao Portal CadaMinuto o cantor Wado, que também é jornalista e se apresenta a partir das 11h na portaria da Tv Gazeta, afirmou que a situação em que vivem os jornalistas de Alagoas é imoral. “Estamos vivendo uma precarização, acredito que seja muito importante a participação da classe artística nesse momento de apoio aos colegas que tanto fazem em prol da sociedade”.

“Não podemos encolher o que já foi conquistado, o jornalismo é peça fundamental em meio a uma sociedade, ele é o quarto poder de uma nação e essa proposta das empresas de comunicação é ridícula e totalmente sem cabimento”, afirmou o cantor alagoano.

Já para a cantora Nathalinha Marinho que deve se apresentar na portaria da Tv Pajuçara afirmou que a causa trata-se de um bem comum. “É através da arte que podemos dizer muita coisa que não querem ouvir/ver/sentir. Por isso fazer parte dessa militância é poder levar a arte não só com entretenimento, mas com a função que a arte sempre teve que é política e social”.

Ainda segundo Natalhinha, a união é quesito essencial neste momento. “É muito importante que todos que fazem parte do jornalismo estejam de mãos dadas e se fortaleçam”, finalizou.

Os artistas alagoanos garantiram ainda que o público pode esperar um repertório bem eclético, com muita animação, porém com uma poesia que grita e tem muito a dizer.

*Estagiário sob supervisão da editoria