Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true

El@s respiram  a essência dessa gente que sabe a importância, para o mundo todo, da arborização de ruas e praças. É um grupo de 4 pessoas. Tem baiano,mineiro,pernambucano e santa catarinense. Nenhum alagoan@.
Roberto Vasconcelos, um dos anjos da praça Lions,  conta que quem iniciou o processo foi o Xuxa e agora, ele, Arnaldo Oliveira, dentista aposentado da Usina Coruripe, onde trabalhou 30 anos, a Cris, servidora do TRE e o Marcos, um catarinense tocam o processo.
Na verdade, Cris e Marcos não tem muito tempo disponível, daí eu e o Roberto colocamos a mão na terra para ajudar a  praça a florir- justifica Roberto.
Afirma que a meta dele com essa ação é  deixar o mundo melhor e acrescenta: "moro a 200 metros daqui, mas, sinto que, como cidadão tenho o compromisso de fazer a minha parte. Aguamos as plantas com um balde ,cuja água é cedida pela casal. Além a Prefeitura precisa resolver o problem social dos moradores da praça. Como não há banheiro próximo fazem as necessidades naquele canto e a fedentina é grande. Deveríamos  tem banheiro público. A Prefeitura se omite."
" Nos denominamos os anjos da praça Lions" - diz Arnaldo Oliveira, o dentista. "Tenho um prazer enorme em fazer esses plantios, pois, essa praça já me deu muitas alegrias. E essa é uma forma de devolver o muito que recebi. Esse era um cantinho preferido que eu  trazia minha neta.  Havia até um playground e a gente se divertia muito."
"É importante que se faça um chamamento à população para que  não destruam as mudas plantadas. Isso vem acontecendo com frequência, por pura maldade  humana. Minha esperança-
diz Roberto-  é ver o verde florir."
Maria uma moradora do entorno acrescenta que: "Os anjos da praça Lions fazem aqui o papel que a Prefeitura deveria fazer. São pessoas muitas comprometidas com o bem estar desse espaço e consequentemente da população."  .
Sim, esses são os anjos da praça Lyons.
Inaugurada em 25 de fevereiro de 1967, a Praça Lions, no bairro da Pajuçara, em Maceió,AL já teve seus tempos áureos e mesmo sendo um local atrativo com uma Feira de Artesanato, segue em flagrante abandono institucional.
Com a palavra, o prefeito Rui Palmeira.