Reprodução Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true Martha Nascimento

A Delegacia de Homicídios concluiu o inquérito policial que investigou morte de Martha Nascimento, esposa do promotor de justiça Sidrack Nascimento, encontrada morta no condomínio Alameda do Horto, em Maceió, no dia 8 de maio.

Durante as investigações, iniciadas pela delegada plantonista da Central de Flagrantes, Luci Mônica, esteve no local de crime, fez algumas requisições de exames, ouviu testemunhas e o esposo da vítima.

Logo após, o caso foi encaminhado para a Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), onde várias diligências foram realizadas e ao todo 13 pessoas foram notificadas e ouvidas durante o inquérito entre elas, uma testemunha ocular e esposo da vítima.

Segundo o delegado Eduardo Méro, titular da DHPP, após o recebimento dos laudos periciais do IML (Instituto Médico Legal) e do IC (Instituto de Criminalista), ficou confirmado que houve suicídio.

“Desde de que tomou conhecimento do caso, a Polícia Civil não descartou outras linhas de investigações, mas com a prova técnica pericial, conclui o inquérito confirma que Martha Nascimento cometeu suicídio”, esclareceu.  

*com Ascom PC