Foto: Assessoria Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true O senador Rodrigo Cunha com representantes da Associação Brasileira de Telesserviços (ABT) e do grupo Almaviva de teleatendimento.

O senador Rodrigo Cunha recebeu nesta terça-feira em seu gabinete em Brasília a Associação Brasileira de Telesserviços (ABT) e o grupo Almaviva de teleatendimento para falar sobre essa importante atividade que emprega quase um milhão de brasileiros. Só em Maceió e em Arapiraca, a Almaviva tem empresas que empregam 11 mil pessoas.

Segundo o Ministério da Economia, as empresas de teleatendimento são hoje os maiores empregadores formais do país, seguidas de empresas do setor de alimentos, gestão de saúde e terceirização.

Das 50 empresas que mais geram vagas formais de trabalho, oito delas são do setor de teleatendimento.

Na reunião, Nelson Santos, da ABT, destacou que além de serem empregos com carteira assinada, são vagas que têm grande viés social, pois são preenchidas em grande parte por trabalhadores iniciantes e mães que são chefes de famílias.

O senador Rodrigo avaliou que todas as iniciativas que geram vagas de trabalho são bem-vindas, e devem ser estimuladas, especialmente num momento em que o Brasil enfrenta uma taxa de desemprego altíssima, com mais de 13 milhões de pessoas desempregadas.

“O maior programa social que se tem é o emprego”, pontuou o senador alagoano.