Foto: Ascom SMTT Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true SMTT fiscaliza transporte clandestino.

A Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (SMTT) segue com as operações de fiscalização em diversos bairros do capital, visando combater a circulação do transporte clandestino nas vias de Maceió, Ao longo dessa semana, o Grupamento de Ações Táticas de Transportes (GATT) do órgão recolheu dois veículos por realizar essa atividade ilegal.

As ações fiscalizatórias ocorreram nos bairros do Tabuleiro do Martins, Farol, Centro, Jacintinho, Serraria e Jatiúca, onde os agentes  da SMTT abordaram cerca de 84 veículos. Os motoristas flagrados realizando o transporte clandestino são multados no valor de R$ 130,16 e perdem quatro pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH), segundo o Código de Trânsito Brasileiro (CTB).

Além da penalidade do CTB, o transporte clandestino também é punido pela Lei Municipal 6.466/2015, que prevê multa de R$ 2.180 para quem fizer o transporte remunerado de passageiros sem o cadastro na SMTT.

Ainda durante as operações, outros 73 veículos foram autuados por diversos motivos, a exemplo do uso de celular ao volante e por avanço de semáforo. Outros 10 automóveis foram removidos e autuados por trafegar com o licenciamento atrasado.

Trafegar com o licenciamento atrasado, segundo o art. 230, inciso V do CTB, é considerado uma infração de natureza gravíssima, com multa no valor de R$ 293,47 e adição de 7 pontos à Carteira de Nacional de Habilitação (CNH).

Ainda nesta semana, os agentes de trânsito da SMTT realizaram uma blitz na Praça Lucena Maranhão, em Bebedouro. Na ocasião, nove veículos foram autuados e removidos ao depósito do órgão, sendo três por alteração no Gás Natural Veicular (GNV), dois pelo condutor não possuir a Carteira Nacional de Habilitação (CNH), um por estar sem o licenciamento, um por película irregular, um por estar com a CNH vencida e um por estar sem os itens de segurança obrigatórios.