Foto: Carla Cleto Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true Ações de combate a dengue

O número de casos de dengue aumentou em Alagoas. Segundo dados do Ministério da Saúde, o estado teve aumento de 145% em comparação com o mesmo período do ano passado. Até o dia 16 de março deste ano, o estado notificou 937 casos da doença.

Ainda segundo os dados, no mesmo período de 2018, foram registrados 382 casos. A incidência no estado é de 28,2 casos/100 mil habitantes.

Com relação ao número de óbitos, não foi registrada nenhuma morte pela doença até o dia 16 de março deste ano. O número Chikungunya também teve aumento. Em 2018, foram 32 casos notificados e em 2019, 66. Já com relação a zika, em 2019 foram 41 enquanto em 2018 foram 23 casos notificados.

No Brasil

A região Sudeste apresentou o maior número de casos prováveis (149.804 casos; 65,4 %) em relação ao total do país, seguida das regiões Centro-Oeste (40.336 casos; 17,6 %); Norte (15.183 casos; 6,6 %); Nordeste (17.137 casos; 7,5 %); e Sul (6.604 casos; 2,9 %). As regiões Centro-Oeste e Sudeste apresentam as maiores taxas de incidência, com 250,8 casos/100 mil hab. e 170,8 casos/100 mil hab., respectivamente.

Em relação aos óbitos, os profissionais devem ficar atentos. O aumento neste ano é de 67% em relação ao mesmo período de 2018, passando de 37 para 62 mortes. Destaque para o estado de São Paulo, que registrou 31 óbitos, o que representa 50% do total registrado em todo o país.