Foto: Senado Federal Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true Renan Calheiros

A volta de Renan Calheiros tem sido bastante agitada. Depois de fazer oposição direta ao presidente Jair Bolsonaro, o senador alagoano mirou no procurador da República, Deltan Dallagnol.

Calheiros afirmou que entrou com uma representação no Conselho Nacional do Ministério Público contra o procurador, que segundo ele, tem o intuito de usar o seu cargo público para fazer ataques.

“Esse pistoleiro de reputações vem usando o cargo público para perpetrar ataque ilegítimo e ilegal contra mim e contra a representação política, generalizando situações”.

Segundo o senador, Deltan “infringiu seus deveres funcionais e faltou com o decoro exigido pelo Estatuto do Ministério Público, violando também a Constituição”.