Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true

Após a morte do empresário e advogado Petrúcio Torjal José da Silva, na madrugada desta quinta-feira (14), no município de Arapiraca, em Alagoas, a Ordem dos Advogados do Brasil Seccional Alagoas (OAB/AL) prestaou solidariedade à família da vítima e pediu celeridade nas investigações comandadas pela polícia, para que haja a punição dos culpados nos termos da lei vigente.

De acordo com informações, Petrúcio estava no escritório do prédio onde funciona uma revendedora de carros, pertencente a ele, quando três suspeitos teriam entrado no local. Segundo o vigilante, que no momento do crime estaria no banheiro, ele correu ao ouvir um forte barulho, que seria de uma suposta luta corporal que resultou na queda de Petrúcio Torjal do primeiro andar do prédio.

O empresário chegou a ser socorrido por uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), sendo encaminhado ao Hospital de Emergência do Agreste (HEA), onde deu entrada com politraumatismo, mas não resistiu à gravidade dos ferimentos e faleceu.

 

*Com OAB/AL