Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true

As pessoas que vão viajar para países que exigem a apresentação do Certificado Internacional de Vacinação ou Profilaxia (CIVP) para comprovação da vacinação contra febre amarela podem agora fazer a emissão do documento pela Internet na plataforma de serviços do Governo Federal, tanto por computadores, como por dispositivos móveis.

O comunicado foi feito pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), por meio do ofício n° 013/2019, e está disponível desde o dia 29 de janeiro. Antes o CIVP só podia ser obtido presencialmente no posto da Anvisa, situado no Porto de Maceió.

Passo a Passo

Para emitir o certificado eletronicamente, o usuário deverá acessar a plataforma de serviços do governo federal (www.servicos.gov.br) e efetuar o cadastro na opção “entrar/cadastrar”. Após preenchimento do cadastro, deve ser feito o login com o usuário e a senha. Em seguida, basta digitar na caixa de busca “Certificado Internacional de Vacinação” e, ao localizar a opção, clicar na opção “solicitar”.

Nesta opção, serão solicitados os dados pessoais e dados da vacina, além do anexo do arquivo de imagem ou cópia digitalizada de documento oficial de identificação e do comprovante de vacinação. Finalizada esta etapa, a solicitação irá para análise e deverá aguardar cinco dias para o recebimento do resultado, que poderá ser deferido, indeferido ou ter alguma exigência.

Caso seja deferido, o usuário receberá um e-mail com o CIVP em PDF para impressão e assinatura conforme documento oficial. Caso o resultado seja “indeferido” ou “exigência”, o usuário deverá atender as orientações emitidas pelo analista e, após isso, reenviar para análise.

Postos de vacinação contra febre amarela

Atualmente há cinco unidades de referência para a vacinação contra Febre Amarela e as pessoas que vão se deslocar para áreas com recomendação da vacinação necessitam se dirigir a um desses locais até 10 dias antes da viagem para a adequada imunização.