Ascom ALE/Arquivo Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true Governador Renan Filho

O governador Renan Filho (MDB) abriu um parêntese, durante discurso realizado na tarde desta terça-feira (19), na Assembleia Legislativa, para lamentar o suicídio da recruta da Polícia Militar de Alagoas, Tássia Camila, de 30 anos, ocorrido hoje na base da  5ª Companhia Independente (5ªCia), localizada na Praia do Francês, em Marechal Deodoro.

"Foi com muita tristeza que recebi a notícia", disse, ao cumprimentar o deputado Cabo Bebeto (PSL), no plenário.

Lamentável, a morte de Tássia, cerca de dez dias após sua formatura como policial militar, volta a deixar clara a urgência na adoção de políticas públicas integradas e mais eficazes para o tratamento de doenças como a depressão e para a prevenção do suicídio.

Nossos sinceros sentimentos aos familiares, amigos e companheiros de farda.