Vanessa Alencar/CM C605091d cd4e 49f4 87d1 14928b5732a4

Em um discurso conciliador durante a abertura da nova legislatura, nesta terça-feira (19), na Assembleia Legislativa, o governador Renan Filho anunciou que solicitará ao ministro Paulo Guedes, com quem irá se reunir nesta semana, em Brasília, a inclusão dos estados na Reforma da Previdência.

Ele também reforçou que irá garantir concursos públicos para as polícias Civil ou Militar todos os anos, elevando continuamente o efetivo. "O segundo mandato parece que passa mais rápido que o primeiro, por isso a gente precisa trabalhar mais para realizar o que o povo espera do governo e da relação do governo com a Assembleia", pontuou em um dos trechos do discurso.

Mudanças na Previdência 

"A legislação tem que ser única para o país, a menos que se crie uma idade mínima diferente, por região e baseada na expectativa de vida, para a iniciativa privada", disse sobre as mudanças na Previdência Social.

Renan Filho também citou os pontos principais que devem constar da proposta, afirmando que não irá admitir mudanças em cima dos mais pobres, com desvinculação do salário mínimo ou cortes de benefícios da populações de risco, por exemplo.

"O governo federal vem solicitando a posição e o apoio dos governadores sobre o tema. Eu apóio que a reforma precisa ser aprovada, mas qual a reforma que defendo? Com o aumento da idade mínima, a ser definida pelo parlamento; combate aos privilégios e aproximação dos serviços público e privado", explicou.

O governador evitou ler a íntegra da mensagem entregue à Casa, devido ao embarque ainda nesta tarde para a capital federal, mas pontuou alguns dos avanços alcançados nos últimos quatro anos, pregou a união dos poderes, creditou ao parlamento a co-responsabilidade pelos êxitos em seu primeiro mandato e falou sobre política nacional.

Dívida

Durante o discurso, Renan Filho frisou que, em quatro anos, a dívida de Alagoas caiu de cerca de 162% da receita para 82%, uma das maiores quedas de dívida da história do país. 

Sobre o segundo mandato, resumiu que a meta é continuar o que está dando certo, corrigir alguns rumos e intensificar o passo