Assessoria 4967ae09 2c0c 4674 818e c80427a127b3 Deputado Marx Beltrão

 


O coordenador da bancada federal de Alagoas em Brasília, deputado Marx Beltrão (PSD), afirmou nesta segunda-feira (18) que é missão da bancada “defender a pauta do turismo com todo nosso empenho, uma vez que esta indústria gera milhares de empregos e renda, e também proporciona a Alagoas uma multiplicação extraordinária de riquezas”. Beltrão recebeu do trade turístico na última sexta-feira (15) as demandas do setor para os parlamentares federais, em um evento que contou com a participação de diversas lideranças do turismo alagoano.

De acordo com presidente da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis de Alagoas (ABIH-AL), Milton Vasconcelos, é necessário unir esforços para que o turismo possa avançar no estado. Na reunião, Vasconcelos apresentou pautas à bancada como a regulamentação do aluguel por temporada e em aplicativos tipo Airbnb; os investimentos em promoção do destino com a divulgação dos atrativos regionais; o incremento da conectividade aérea em Alagoas e mais investimentos em saneamento básico. 

Marx Beltrão listou ações na área do turismo em nível federal e reforçou seu apoio às pautas defendidas pela ABIH em Alagoas. “Vamos sim defender estas questões, articulando a bancada a fim de dotar o turismo alagoano de mais competitividade. Os pleitos da ABIH são justos e urgentes. Precisamos fazer com que a malha aérea de Alagoas tenha mais opções de vôos e também preços mais competitivos. Do mesmo modo, é necessário aumentar os investimentos em promoção do turismo. A questão da regulamentação do aluguel por temporada é importantíssima e sobre o saneamento, estamos todos à espera de projetos para lutarmos por recursos em Brasília”.

"O turismo é a segunda economia do estado de Alagoas, que gera emprego e renda, perdendo ainda, apenas, para o setor sucroenergético. Muitos alagoanos dependem do turismo para viver, e existem dados que mostram que este setor é o que mais cresce no mundo. Temos potencial, mas precisamos unir esforços", ressaltou Milton Vasconcelos, presidente da ABIH-AL.