Foto: Ascom Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true Deputada federal Tereza Nelma

A deputada federal Tereza Nelma protocolou na Câmara dos Deputados um Projeto de Decreto Legislativo que impõe novas regras à ajuda de custo prestada aos parlamentares para despesas de mudança e transporte. De acordo com o texto do projeto, parlamentares reeleitos ou eleitos consecutivamente, perdem o direito ao auxílio, no valor de trinta e três mil reais.

Tereza Nelma afirma que o objetivo é racionalizar os gastos com dinheiro público. “Não faz sentido se o deputado já recebe o auxílio quando eleito pela primeira vez. Voltar a receber se for reeleito? Nesse caso não existe mudança, não há alteração de domicílio e nem de estado. Ele permanece em Brasília, então esse pagamento não se justifica”, explicou a deputada.

Assim como Tereza, os demais deputados que assinaram também exercem o primeiro mandato na Câmara e justificam o pedido para atender ao clamor da sociedade pelo fim das vantagens que beneficiam poucos. “O Brasil vive um momento de crise econômica e, certamente, isso já trará uma contenção significativa. Receber a verba por duas vezes, não podemos aceitar. Da mesma forma que não aceitamos penduricalhos de outros poderes”, concluiu a deputada.

 A iniciativa partiu, conjuntamente, com outros deputados do PSDB: Daniel Trzeciak (RS), Lucas Redecker (RS), Celso Sabino (PA).

 

*com Assessoria