Maciel Rufino / Cada Minuto Eeefe49d cd9e 4b12 9dbf 12fb1a4cf9ab Alan Nabor e Rafael Rodrigues

Passar no vestibular é o sonho de muitos estudantes que se dedicam para que esse objetivo seja alcançado. Para os alagoanos Alan Nabor e Rafael Rodrigues o resultado do Sisu divulgado esse ano foi positivo e fez com que todo esforço valesse a pena.  Ambos passaram no curso de medicina da Universidade Federal de Alagoas (UFAL).

Alan Nabor passou em 1º lugar e Rafael Rodrigues em 3º lugar. Os dois estudaram em escola pública e entraram pelo sistema de cotas.

Em entrevista ao Cada Minuto, os estudantes contaram como se prepararam e se dedicaram aos estudos, e como reagiram ao saber da tão sonhada aprovação. Alan Nabor, de 20 anos, foi um dos 53 candidatos de todo o país que tirou nota máxima na redação do Exame de Nacional do Ensino Médio (Enem) do ano de 2017.

Mesmo com a nota máxima na redação, ele não conseguiu passar em Medicina no ano anterior. "Eu já sabia que não tinha ido muito bem na prova, apesar do mil em redação. Mas a nota me estimulou a não desistir, me deu um 'gás' e agora eu consegui", disse Alan.

Rafael, de 19 anos, também tentou em 2017, mas não conseguiu. Ele terminou o ensino médio em Pão de Açúcar e há dois anos morava em Maceió para estudar para o Enem. O estudante conta que não desanimou e agora está muito feliz. 

"Vim morar longe da minha família pra me dedicar e conseguir passar. A rotina foi bem puxada. Fiz isolada de redação e matemática e cursinho geral para as outras matérias. Quando não estava na sala de aula, estava estudando em casa", contou.

Os estudantes falaram que o esforço valeu a pena e que, ao ver a nota, estavam praticamente seguros da aprovação. Segundo eles, a perseverança e a dedicação são a chave para um bom resultado.

*estagiária sob a supervisão da editoria