Foto: Cortesia C3c009e3 8127 464a 8134 b573f01ef5ab Letreiro foi instalado em frente ao prédio do senador

Informações sobre os 18 inquéritos relacionados ao senador Renan Calheiros no STF foram projetadas, junto a palavras de ordem, sobre a fachada do prédio onde ele mora, em Maceió, nesse sábado (19). A ação foi organizada pelo Livres, movimento liberal suprapartidário, e também contou com um grande letreiro, na calçada da orla, que dizia "Livres do Renan". 

"Esse foi o primeiro de muitos atos que vamos realizar contra a candidatura de Renan Calheiros à presidência do Senado. Precisamos pressionar os senadores, o Brasil não aguenta mais ter em postos chave da República pessoas que enfrentam tantos problemas com a justiça", disse Henrique Arruda, liderança do Livres em Alagoas e suplente do senador Rodrigo Cunha, eleito em 2018 com mais votos que Renan.

"Muita gente me pergunta por que o povo alagoano elegeu Renan. Basta ver o volume de dinheiro sujo relacionado a ele segundo os inquéritos no STF para entender a dimensão de poder que ele tem. A verdade é que, no Brasil, alguém com acesso a esse tipo de estrutura pode acabar conseguindo se eleger em qualquer estado", argumenta a advogada Maria Tavares, também liderança do Livres em Alagoas. 
 

*com Assessoria