E553eddc 2fdc 4309 af3b 5e46ea3b035f

O vereador Leo Saturnino tomou posse nesta terça-feira (01) como presidente da Câmara Municipal de Arapiraca, depois que uma ordem judicial foi expedida. A mesa composta ainda pelos vereadores Moisés Machado, Edvanio do Zé Baixinho, Jario Barros e Pablo Fênix, foi eleita em maio de 2017 e questionada nos últimos dias pelos demais parlamentares.

Na sessão do dia 28 de dezembro, os vereadores anularam a eleição sob o argumento de que havia vícios na eleição de Leo Saturnino, que na época foi eleita por 17 votos favoráveis para o biênio 2019-2020.

Em sua defesa, Leo Saturnino, argumentou que sua eleição foi realizada,dentro de todas as exigências regimentais. A posse aconteceu no novo prédio do Legislativo de Arapiraca, na antiga Escola de Governo, no bairro de Santa Edwiges.

A vereadora Professora Graça, que era presidente do Legislativo, chegou a ingressar com uma ação judicial para derrubar a liminar que permitia a posse de Saturnino, mas teve o pedido negado. A Professora Graça afirmou que se houve crise, serviu para futuras reflexões e  transformações e teve  o seu ponto positivo,ressaltando que esta crise não é de toda negativa.

"Que esta crise que aconteceu aqui, sirva para uma transformação", concluiu. Então a mesa ficou constituída assim: Presidente, Leo Saturnino, vice-presidente, Moisés Machado, primeiro secretário, Edvanio do Zé Baixinho, segundo secretario, Jario Barros e terceiro secretário , Pablo Fênix.

A solenidade que aconteceu na Sala de Reuniões, contou com a presença dos familiares e convidados dos empossados.