Cortesia Assessoria E23d7eab f0b5 4848 a54a fb9a1da8110a PRF

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) encerrou ontem (18) a Operação Proclamação da República 2018, que teve início na última quarta-feira (14). A PRF reforçou o policiamento nas rodovias federais do Brasil para promover mais segurança, conforto e fluidez no trânsito. Em Alagoas, a fiscalização foi intensificada especialmente nas Brs 101, 104 e 316, onde o fluxo de veículos aumenta significativamente durante feriados prolongados.

Neste período a PRF contabilizou em Alagoas 12 acidentes de trânsito. Falta de atenção por parte dos condutores, pista escorregadia, animal na pista e velocidade incompatível foram apontadas como as principais causas de acidentes nesse feriadão. Dos 12 sinistros ocorridos, cinco foram considerados graves e resultaram em três óbitos. As BRs que reuniram o maior número de acidentes foram a 104 e 316 (com 4 sinistros cada).

FISCALIZAÇÕES DE TRÂNSITO

Durante toda a operação, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) concentrou esforços e reforçou seu efetivo, distribuindo os policiais nos trechos considerados críticos pelas estatísticas de trânsito, ou seja, aqueles em que há mais ocorrência de imprudência por parte dos motoristas ou que ocorrem maior registro de acidentes.

Os policiais rodoviários federais realizaram a fiscalização de 1.827  veículos e 1.786  pessoas. Cerca de 560 motoristas foram submetidos ao teste de etilômetro, sendo 09 deles autuados por embriaguez ao volante e um preso por dirigir com teor alcoólico superior a 0,30 mg/l. Ao todo, a PRF registrou 487 infrações, sendo 19 por falta do uso de cinto de segurança, 17 por não uso do capacete e 25 por ultrapassagens. No combate à criminalidade, 5 pessoas foram detidas.

Como nas Operações anteriores, a educação para o trânsito foi intensificada e o Cinema Rodoviário foi utilizado para conscientizar motoristas sobre os riscos da imprudência no trânsito. Ao todo, 647 pessoas foram abordadas e assistiram palestras com mini vídeos sobre a importância de ações responsáveis para a construção de um trânsito mais seguro.

*Com assessoria