Fotos: Polyana Lima / Cada Minuto A7cbce5f 802c 489a 9529 33d6e7343068

“Não fico em cima do muro. Optei por votar em Jair Bolsonaro e vou fazer campanha para ele também”, afirmou o deputado federal e ex-ministro Marx Beltrão (PSD). Ele participou, junto com outros políticos e apoiadores do candidato a presidente de um encontro realizado no Hotel Ritz Lagoa da Anta, em Maceió, nesta sexta-feira (19), com a presença do senador Magno Malta (PR-ES).

Em entrevista ao CadaMinuto, o ex-ministro explicou que, embora sua família tenha apoiado Bolsonaro desde o primeiro turno, ele votou primeiramente no tucano Geraldo Alckmin: “No segundo turno tomei a decisão seguindo meus princípios. Eu escolho meus candidatos de acordo com o que penso das pessoas, do ser humano”.

Segundo Marx, após analisar as propostas de Bolsonaro e de seu opositor, Fernando Haddad (PT), e o que cada um dos candidatos já havia feito, não teve dúvidas em escolher o colega da Câmara dos Deputados.

“Haddad já teve duas oportunidades de fazer um trabalho, como ministro da Educação e como prefeito de São Paulo e, na minha opinião e na opinião dos paulistanos, ele foi um dos piores prefeitos da história. Não teria coragem de votar em quem não cumpriu com o que se comprometeu com a população... Portanto eu prefiro arriscar no novo, em que representa mudança, os valores da família, o dever da Constituição... Foi o que me fez optar por votar em Bolsonaro, assim como milhões de brasileiros”, concluiu.

Também participaram do evento a ex-deputada federal Rosinha da Adefal, o vereador de Maceió, Chico Filho e dirigentes do PSL em Alagoas.

 

*Estagiária, sob supervisão da editoria