Foto: Divulgação / Polícia Civil 55b368ba a569 4e01 9b44 b3b5429f4011

Dois homens foram presos, em cumprimento de mandados de prisão, acusados do assassinato de Severino Vital de Souza Neto, 35 anos, considerado desaparecido desde abril deste ano, em município de Marechal Deodoro. A dupla foi detida em Rio Largo e em Maceió.

De acordo com informações divulgadas pela Polícia Civil, Jonatha Rafael dos Santos Silva e José Anderson da Silva Macedo, teriam atraído a vítima até Rio Largo e a mataram por sufocamento. Eles confessaram o crime e contaram que Severino estava coagindo Jonatha a reatar um relacionamento e mudar-se para o município de Pilar, por isso o mataram.

Os acusados também relatam que após matarem Severino eles esconderam o corpo dentro de uma cama box. Depois simularam uma mudança, contratam um frete e deixaram a cama, com o cadáver dentro, às margens da rodovia BR 424, próximo ao Polo Industrial de Marechal Deodoro.

Equipes da 23º Distrito Policial de Rio Largo foram até o local e fizeram buscas, mas não encontraram nenhum corpo ou  vestígio de crime.

 Há informação de que um cadáver foi encontrado na região no final de abril e que está no Instituto Médico Legal (IML), sem identificação. A polícia irá solicitar um exame de DNA para identificá-lo.

As prisões aconteceram em cumprimento a mandado de prisão temporária, expedido pelo juiz Sandro Augusto, da Comarca do Pilar. Jonatha Santos foi preso em Rio Largo e José Anderson no bairro do Jacintinho, em Maceió.