4b21680b ba0d 45b3 bd31 ad4e5cfcbff0

A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias promove, nos dias 21 e 22 (sexta e sábado) o Prêmio Nacional Valores Familiares e Comunitários que homenageia 800 pessoas anualmente em mais de 180 cidades brasileiras. A honraria vem para reconhecer os trabalhos realizados em prol das famílias e da comunidade promovidos em Alagoas. 

No dia 21, na capela da Igreja de Jesus Cristo da Avenida Santa Rita; 287, (ao lado do Instituto da Visão), às 19h, receberão a homenagem a promotora da Infância e Adolescência Alexandra Beurlen; a assistente social do Sesc/ AL Edneide Nunes (responsável pelas ações com idosos); o pastor, criador da Lei que instituiu o Dia Municipal do Voluntariado e idealizador do Fórum Eclesiástico de Alagoas, Alan Balbino; a ACAS, associação de militares da Força Armada da reserva, que ajuda comunidades em todo o Estado; e a Comunidade Espírita Nosso Lar, que promove esporte e cultura para crianças carentes da orla lagunar. 

No dia 22, às 19h, na capela do Tabuleiro Rua Carlos Francisco de Farias 105-Tabuleiro, serão homenageados José Neto, do projeto Escola Brasil, que oferece aulas de capoeira para crianças carentes); o subtenente Abrão (da Polícia Militar), que desenvolve ações de educação e esportes com jovens do Carminha; Clementina Santos, profissional da área de saúde engajada na prevenção de doenças virais; e Mávia Lisboa, contadora de história com ampla atuação com crianças carentes. 

Ainda no dia 22, às 19h, na capela da Colina na Rua Santa Luzia Nº 886, será reconhecida a atuação de Cláudio Jorge Mendonça, da Rádio Comunitária Martins FM; pastor batista Wellyngton Santos; Paulo Oliveira de Morais, coordenador do TRT 19a. Solidário; coronel Nilton Rodrigues, comandante do 59o. BIMtz, pelo Profisp, Operação Pipa e Projeto Rondon; além do Jeep Clube de Alagoas, que promove ações de solidariedade em todo o Estado. 

"É com grande satisfação que realizamos este evento para premiar as pessoas que fazem trabalhos relevantes para a sociedade, ajudando quem mais precisa, como nosso maior exemplo, Jesus Cristo, fez durante toda sua vida",  afirma Frazio Tenório, líder eclesiástico.