Foto: CadaMinuto/Arquivo 1303915744dudu holanda 06 Dudu Holanda

O candidato à reeleição para deputado estadual pelo PSD, Dudu Holanda, desistiu de sua candidatura, nesta segunda-feira (17).  Ele enviou o pedido de desistência ao Pleno do Tribunal Regional Eleitoral, em Alagoas, (TRE/AL) antes que o órgao julgasse sua candidatura, por isso a votação, que aconteceria durante a tarde, não ocorreu.

 

O Ministério Público Eleitoral (MPE) entrou com o pedido de impugnação a candidatura de Holanda no dia 20 de agosto. Segundo o órgão, ele registrou sua candidatura conforme o edital do processo eleitoral, mas não havia capacidade eleitoral passiva, já que o candidato foi condenado em uma ação penal e tem processo em julgado.

Dudu Holanda foi condenado, em dezembro de 2017, a três anos e cinco meses de prisão e a perda de seus diretos políticos, devido a uma agressão contra Paulo Corintho, em 2009. Na época, ambos eram vereadores, e Holanda mordeu e arrancou um pedaço da orelha de Corintho durante um desentendimento em uma festa.

Hoje, o TRE/AL  manteve a candidatura do deputado federal Arthur Lira (PP), por quatro votos a dois, e indeferiu a candidatura de Ronaldo Lessa (PDT). 

O órgão também manteve a candidatura do Pastor João Luiz (PRTB) e indeferiu a candidatura de Jorge da Sorte (PRTB). Os registros das candidaturas de Paulão (PT) e João Caldas (PSC) serão julgados nesta terça-feira (18). Já a candidatura de Jair Lira (PRTB) ficou para a quarta-feira (19).

.