Foto: Cortesia 25d14bc0 74da 4a72 a5ae d6aabfe4dc2a

O presidente da Mancha Azul, uma das torcidas organizada do Centro Sportivo Alagoano (CSA), foi assassinado a tiros na noite desta segunda-feira, 20, na Rua Formosa, no bairro da Ponta Grossa, em Maceió.

Genildo José, conhecido como “Gigante”, guiava uma motocicleta quando foi surpreendido e baleado em via pública. Segundo informações de testemunhas, o atirador também estava em uma moto, conduzida por um comparsa.  Gigante ainda desceu do veículo e tentou correr, mas foi atingido e faleceu no local.

A vítima integrou a diretoria da Mancha Azul e assumiu a presidência há cerca de três meses.

Ainda não há informações sobre a identidade dos autores, nem sobre e motivação do crime, que será investigado pela Delegacia de Homicídios.

A Polícia Militar está no local. O Instituto Médico Legal (IML) e o de Criminalística (IC) foram acionados.

A diretoria do CSA divulgou nota, em suas redes sociais, lamentando a morte de Gigante e disse que ele sempre agiu de acordo com o trabalho desenvolvido no clube.

 

*Estagiária sob supervisão da Editoria