Ilustrativo
Centro comercial de Maceió (Alagoas)

Empresários de 14 Estados e do Distrito Federal vão promover uma grande ação para chamar a atenção sobre a alta taxa tributária do Brasil deixando de cobrar impostos dos consumidores no próximo dia 24 de Maio. Mas Alagoas e outros 11 Estados não vão participar da campanha da Câmara de Dirigentes Lojistas Jovem (CDL/Jovem).

Durante o dia 24 de Maio as lojas credenciadas junto ao CDL (comércio e shoppings) vão vender seus produtos e serviços sem a cobrança de impostos. Os itens vão desde roupas e cosméticos até carro zero quilômetro, além de combustível.

Liberdade de Impostos

O objetivo é chamar a atenção sobre os altos percentuais que incidem sobre o salário dos brasileiros, notadamente porque os números arrecadados com a cobrança de impostos não são revertidos em benefício da população como deveriam. A população não recebe rodovias, saúde e educação, por exemplo, de qualidade.

Segundo dados da Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas (FCDL), os brasileiros trabalham quase 5 meses por ano apenas para pagar impostos e a contrapartida em serviços públicos oferecidos deixa muito a desejar. Esta será a 10ª edição do Dia da Liberdade de Impostos que vai ser realizado no mês das mães.

Durante a campanha, que vai durar apenas um dia, os empresários vão vender produtos sem o imposto embutido. Os tributos serão pagos pelas lojas patrocinadoras, mas não serão repassados aos consumidores. Os Estados vão receber a grande ‘fatia do bolo’ que será arcada pelos lojistas filiados a CDL.  

Confira os estados participantes:

Amapá, Amazonas, Bahia, Ceará, Distrito Federal, Espírito Santo, Goiás, Mato Grosso, Minas Gerais, Pernambuco, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e São Paulo.