Cortesia (Priscylla Régia/Alagoas24Horas) Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true

Com o intuito de abrir as discussões com a sociedade sobre o Plano Integrado ao Direito Humano à Segurança, grupos e movimentos ligados à cultura popular participaram na nesta tarde (26), na sede da Prefeitura Municipal de Maceió, no bairro do Jaraguá, da primeira consulta Pública.


Segundo o secretário de Direitos Humanos, Segurança Comunitária e Cidadania, Pedro Montenegro, a consulta pública não se restringe apenas aos grupos e movimentos culturais, é aberto a todos que possam contribuir para promoção do direito humano à segurança da sociedade.


Durante a solenidade, Montenegro, ressaltou na criminalidade entre os jovens, e disse que é preciso elaborar um diagnóstico para ter conhecimento de onde estaria surgindo esse problema, que hoje não se limita apenas a comunidade pobre.


A consulta pública segue durante esse mês. Na próxima terça-feira o grupo que irá se reunir é do segmento turístico.


Veja a programação
Dia 29/9, terça-feira, 17 horas
Consulta Pública/Segmento do Turismo
Local: Auditório do Hotel Ponta Verde
Dia 1º/10, quinta-feira, 18 horas
Consulta Pública/LGBTT
Local: Auditório da Secretaria de Direitos Humanos, Segurança Comunitária e Cidadania (Semdisc)/Praça Sinimbu/Centro