Assessoria/Arquivo A886de73 81bb 44c7 b688 380406bfea14 Maternidade Santa Mônica

O teto do setor neonatal da Maternidade Escola Santa Mônica, no bairro do Poço, na capital, desabou devido às chuvas do final de semana. Segundo informações da assessoria da maternidade, o telhado caiu, mas não causou ferimentos aos funcionários e os equipamentos foram protegidos.

A assessoria também informou que possivelmente, o local cedeu devido ao transbordo de uma calha ou problemas no rufo.

Ainda de acordo com a assessoria, em nota divulgada, nesta segunda-feira (29) será realizada uma vistoria técnica para avaliar o local e tomar as providências necessárias.

Confira a nota abaixo:

A Direção da Maternidade Escola Santa Mônica (MESM) confirma que devido às fortes chuvas durante a semana, onde a média histórica registrada para o mês de maio, que era de 382,2 milímetros já chegou a mais 414,6 mm, e considerando que somente nos últimos seis dias, foi registrada uma média de 252,6 mm, maior do que a quantidade registrada dos 20 primeiros dias do mês a área construída para o funcionamento da Unidade de Cuidado Intermediário Neonatal Convencional - Ucinco apresentou vazamento de água em um único ponto, provavelmente devido ao transbordo de uma calha ou problemas no rufo.

Na ocasião, os profissionais responsáveis pela manutenção da Maternidade realizaram a proteção dos equipamentos e a direção da unidade, através da Universidade Estadual de Ciências da Saúde de Alagoas - Uncisal, estará nesta segunda feira (29) definindo a real causa da ocorrência, bem como tomando as devidas providências para a solução do problema.

A direção aproveita a oportunidade para reforçar que o governador Renan Filho já confirmou a convocação da reserva técnica do último concurso da UNCISAL que viabilizará a ativação do setor disponibilizando mais 26 leitos de terapia intensiva neonatal à comunidade alagoana.