Assessoria Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true

“Entendemos que o Estado deve trabalhar de uma forma articulada com os municípios, é nesse sentido que nós devemos caminhar”, foi com essa frase que o secretário estadual de cultura, Osvaldo Viegas iniciou a reunião desta segunda (21), na AMA, mostrando a importância de valorizar as raízes culturais de Alagoas.

Segundo o secretário, o investimento municipal no setor cultural de forma errônea dificulta o crescimento na área, por isso existem tantos desafios e diretrizes para a política pública e para a captação de recursos. “Temos muitos grupos culturais que de repente não são bem aproveitados, as festividades, música clássica, nada disso chega aos municípios. Se nós não mudarmos nossa concepção sempre ficaremos a reboque da cultura de fora. Na verdade esquecemos o que temos aqui em Alagoas. Essa caravana cultural leva expressão de cultura para todo o Estado”, explicou Viegas ao mostrar a importância de cada município contar a sua história através do programa Mais Cultura.

De acordo com Osvaldo, os recursos são viabilizados através de negociações e existe um trabalho em conjunto numa busca contínua de parcerias, por isso, a parceria com a Associação dos Municípios Alagoanos (AMA) é tão importante para a sensibilização da cultura municipal. “Nós temos um patrimônio cultural enorme, são cerca de 100 sítios arqueológicos, a diversidade cultural atrai turistas de todo o país, mas o trabalho tem que ser efetivo também para os turistas locais. A Cultura em Alagoas ainda é a “prima pobre” porque ainda não damos a devida atenção”, frisou o secretário.

“Essa orientação para captação de recursos no setor de cultura é muito importante para os municípios que tem potencial turístico e cultural. Esperamos que todos os gestores se sensibilizem e promovam mais cultura”, ressaltou o vice-presidente da AMA e prefeito de Capela, João de Paula.

O programa Mais Cultura está voltado para 72 municípios integrantes da região do semiárido do Estado de Alagoas e destinará R$ 784,5 mil para financiar projetos culturais das áreas de artes visuais, artes cênicas, música, literatura, audiovisual e artes integradas.

O edital para o Programa de Apoio a Microprojetos Culturais tem como objetivo de implementar as diretrizes traçadas pelo Programa Mais Cultura. A iniciativa é do Ministério da Cultura, por meio da Secretaria de Articulação Institucional (SAI), e da Fundação Nacional de Artes (Funarte).

O edital Microprojetos Mais Cultura para o Estado de Alagoas pode ser consultado nos sites www.cultura.gov.br ou www.mais.cultura.gov.br.