O goleiro Felipe começou a semana do clássico contra o São Paulo fazendo uma lição de casa: apagar da memória a goleada que o Corinthians sofreu para o Goiás (1 a 4). “Este é um jogo para a gente esquecer. Podemos tirar algumas lições, mas agora temos 13 jogos pela frente e vamos somar pontos”, disse.

Uma dessas “lições” é, segundo o arqueiro alvinegro, não entrar em campo falando em vitória e jogar pouco nos n90 minutos. “Isso aconteceu contra o Coritiba. A gente foi lá pensando em vencer, em trazer os três pontos, mas a gente precisava jogar antes”, afirmou.

Ele sabe a importância para os corintianos de uma vitória contra o tradicional adversário tricolor, domingo que vem no estádio do Morumbi. “Se ganharmos, a gente segura o São Paulo nos 44 pontos e encostamos mais um pouco”, calcula.

Os são-paulinos estão em 2º lugar no Campeonato Brasileiro, com 44 pontos, sete a mais do que os corintianos (9º colocados). Os dois times vão atrás de recuperação. O São Paulo deixou escapar uma vitória sobre o Santo André, vencia por 1 a 0 e cedeu o empate.

O atacante Washington resumiu o que pensa sobre o clássico: “Nossa obrigação agora é vencer”. O Corinthians pode apresentar a novidade da semana, se conseguir finalizar a inscrição do argentino De Federico. “Até esta terça-feira, devem chegar os papéis dele. A gente já reservou a inscrição na CBF. Vai dar tudo certo”, garantiu o presidente corintiano Andrés Sanchez.